08 outubro, 2016




Terminou o suspense sobre a situação do vice-prefeito Jorge Gomes, que disputou a prefeitura de Caruaru pelo PSB, ficando na quarta posição com 11% dos votos. Numa nota o socialista confirma que por questões históricas não segue o partido, que vai apoiar o nome de Tony Gel (PMDB) para prefeito de Caruaru no segundo turno. No entanto, por fidelidade ao partido, ele não apoia o nome de Raquel Lyra (PSDB) para prefeita da cidade. Os seguidores do socialista devem ficar a vontade para o pleito que se aproxima. Segue abaixo a íntegra da nota assinada por Jorge Gomes, que esteve reunido hoje junto a esposa, Laura e o governador Paulo Câmara. 

JORGE GOMES MANTÉM COERÊNCIA HISTÓRICA NESSE SEGUNDO TURNO 

A minha história de vida pessoal e política sempre foi pautada pela lealdade e coerência. Estou no PSB há 25 anos, o que demonstra o meu alinhamento com as bandeiras de luta do partido que teve como principais lideranças os ex-governadores Miguel Arraes, de quem fui vice-governador, e Eduardo Campos, de quem fui Secretário de Saúde.

Nos últimos oito anos, estive ao lado do prefeito José Queiroz, do PDT, e estamos trabalhando juntos pelo crescimento de Caruaru, cidade que se desenvolve a olhos vistos, com obras e ações estruturadoras que já se incorporaram ao dia a dia dos caruaruenses. Com muita honra, fui escolhido por Queiroz e pelo deputado Wolney Queiroz, presidente estadual do PDT, para disputar a Prefeitura de Caruaru com o apoio de uma ampla rede de partidos formada pelo PSB-PDT-PC do B- PT- PTC- PRP- PP. Fizemos uma campanha limpa, com propostas pés no chão, possíveis de serem realizadas, uma vez que os municípios irão precisar de gestores com responsabilidade e habilidade para tocar os próximos quatro anos de administração num cenário de crise financeira e diminuição de repasses federais.

Mas, a decisão do povo é soberana e não fomos para o segundo turno. Agora, as lideranças estão fazendo suas escolhas diante do cenário de Caruaru. Tive várias conversas com o meu partido, o PSB Estadual. A última foi realizada nesta sexta, 07, com a presença do governador Paulo Câmara. Por consenso, existe a tendência do PSB Estadual apoiar a candidatura do deputado estadual Tony Gel, vice-líder do Governo do Estado, na Assembleia Legislativa.

Pela minha coerência histórica, não posso seguir a recomendação do meu Partido e, de forma transparente, expliquei aos integrantes do PSB Estadual que, em Caruaru, o deputado estadual Tony Gel é um adversário histórico.

Da mesma forma, cultivando a mesma coerência, expliquei ao prefeito José Queiroz e ao deputado federal Wolney Queiroz que não vou apoiar a candidatura de Raquel Lyra por dois motivos fundamentais: o seu Plano de Governo apresentado ao longo da campanha vai totalmente de encontro à nossa proposta de continuidade e avanços, além da deputada ocupar, hoje, a oposição em relação ao meu Partido, o PSB, Estadual. Essa decisão é compartilhada pelo PSB Municipal, presidido por Laura Gomes, e também pelo vereador reeleito do PSB, Marcelo Gomes.

Sendo assim, agradeço aos eleitores que acreditaram nas minhas propostas, confiante de que cada um saberá fazer a melhor escolha para a nossa cidade.

Caruaru, 07 de outubro de 2016.

Jorge Gomes