10 janeiro, 2018


Do: Cesar Mello 

Comunicador e suplente de vereador, Bartô Neves não se omite e procura participar de forma efetiva do dia-a-dia da política de Brejo da Madre de Deus. Seja no seu programa de rádio (Patrulha do Agreste, que vai ao ar na Polo FM), em grupos de whatsapp ou mesmo em entrevistas a blogs e sites da região, Bartô tem se consolidado como uma das principais peças do grupo de oposição ao prefeito Hilário Paulo.

Em entrevista concedida ao Blog do César Mello, Bartô bateu pesado na gestão de Hilário. Ele classificou a gestão do adversário como uma ‘agonia’ e disse ainda que quem ‘manda’ de fato na gestão do Brejo é o ex-prefeito Dr. Edson de Souza. 

O aprendiz - O que o Brejo está passando hoje já era esperado por muitos, principalmente por aqueles que conhecem o histórico político de Hilário, pois ele tem mais de 20 anos de vida pública e eu não conheço uma obra no município adquirida através de seus esforços, fora um pedaço de asfalto e outro de calçamento que ele fez as pressas durante sua campanha em 2013, quando Dr. Edson foi cassado e ele assumiu a prefeitura. Fora isso, eu não conheço mais nada do prefeito Hilário, antes do mesmo ser eleito prefeito em 2016. Agora eu fico pensando nas pessoas que acreditaram nele... Ele prometeu demais, sem ter noção do que de fato representa ser prefeito. Ele costuma dizer: "estou aprendendo a ser prefeito" e isso é inadmissível, imagina um cardiologia fazendo um transplante de coração e dizer ao paciente que "está aprendendo a ser médico". Não podemos brincar com vidas humanas e também não podemos brincar com o povo de Brejo da Madre de Deus.

A agonia do Brejo – “Esse primeiro ano de ‘agonia’ que o Brejo está passando, já que isso não é um governo é uma ‘agonia’, o povo já está falando que Hilário é o pior prefeito da nossa história. Eu tenho ouvindo isso de pessoas que votaram nele e hoje estão arrependidas, para eles, o primeiro ano da gestão de Hilário foi o verdadeiro ‘ano da agonia’.

A influência de Dr. Edson – Ele é muito maior do que Hilário. Hoje o povo do Brejo fala que a cidade tem dois prefeitos, mas só um manda, e eu concordo com isso, só um manda e esse é Dr. Edson. Sabemos que a grande maioria dos secretários são pessoas ligadas ao Doutor Edson, que não entendeu e não aceita que hoje o prefeito é outro.

A participação de Dr. Edson no governo Hilário – É uma situação muito delicada, pois Hilário não pode tirar ele do cargo que ele ocupa e na contramão disso, o Dr. pensa que ainda é o prefeito. Então amigo, Dr. Edson não fez um bom governo, como ele vai ajudar? O Dr. Mais atrapalha do ajuda, mas Hilário é refém da situação e nunca vai ter coragem de demitir Dr. Edson, para mudar, enfim, a cara de sua gestão.

O papai e o futuro - Dr. Edson é o ‘pai político’ de Hilário, sem a ajuda dele Hilário jamais teria sido eleito prefeito em 2016 e as eleições de 2018 vão falar muito. Vão servir para alguns baixarem a bola e vão servir para que todos compreendam quem é liderança e quem não passa de um ‘fake líder’, pois temos que ter humildade e entender que respeito e liderança não se compram, se conquistam. Vamos aguardar e acompanhar esse turbilhão de acontecimentos e depois, esperar a poeira baixar e buscar novos projetos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário