11 julho, 2020

Gena Lins confirma que teve assessor que foi morar na Argentina e continuou recebendo da Prefeitura de Taquaritinga


Durante entrevista na última terça-feira, dia 08, o vice-prefeito de Taquaritinga do Norte, Gena Lins, confirmou uma história que há muito tempo vem sendo comentada nos bastidores políticos da 'Dália da Serra'. O caso do assessor que foi morar na Argentina, porém continuou recebendo salário da prefeitura de Taquaritinga do Norte.

Tudo começou quando o prefeito do município, Lero Ivanildo, nomeou no dia 31 de janeiro de 2017, uma pessoa de nome Arthur Andrade Arruda para o cargo de oficial de gabinete do vice-prefeito Gena Lins.

O fato é que alguns meses depois de sua nomeação, acabou-se descobrindo que o assessor citado acima tratava-se de uma pessoa que havia se mudado e passou a residir em um outro país, na Argentina. O caso deixou muitas interrogações no ar, mas a principal seria; Como um cidadão que reside na argentina poderia prestar serviço e cumprir expediente servindo ao vice-prefeito do município?
"Foi uma pessoa contratada para ser meu assessor e no período estava na cidade... Ele combinou que em junho precisaria viajar, mas nós sempre nos mantivemos em contato, e ele disse que ia fazer um processo de revalida, e depois voltaria pra gente dar continuidade ao trabalho. Ele era apenas um assessor e assessor, assessora de qualquer lugar, hoje a internet e a rede social nos ajuda pra esse sentido. A gente tava sempre trocando informação, ele sempre estava a par e continuou me dando assessoria, como por exemplo, hoje, o assessor jurídico do município, mora em Recife, quando é preciso ele vem ao município", explicou Gena.
O vice-prefeito confirmou que mesmo lá na Argentina, o assessor continua prestando serviço e que após alguns meses ao saber que ele não voltaria, o exonerou.

"Então quando foi no período de junho eu liguei pra ele pra saber se tava tudo certo pra voltar em junho, ele disse só em dezembro, quando foi em outubro eu perguntei se estava tudo certo, ele sentiu dificuldade pra dezembro, então eu exonerei imediatamente", afirmou.

Os 10 meses de pagamentos de Arthur Andrade estão registrados no Portal da Transparência da Prefeitura Municipal de Taquaritinga e podem ser acessados para consulta.

Da redação | PE+ Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário