24 julho, 2020

HUMBERTO COSTA DIZ QUE DECISÃO SOBRE A PERMANÊNCIA DO PT NA FRENTE POPULAR NO ESTADO NÃO DEPENDE DELE


No Cidade em Foco da Rede Agreste de Rádios, o senador Humberto Costa (PT), relatou suas ações para ajudar o estado e os municípios no combate ao novo coronavírus, comenta sobre a paralisação da BR-104 e volta a defender a aliança do PT com o PSB no Recife.

Humberto Costa detalhou suas ações durante este período de pandemia. Falou dos esforços para mudar o valor de R$ 100 reais para o auxílio emergencial, e a luta do Congresso para que o governo enviasse um novo projeto, com o valor atual de R$600 reais. Culpou o Ministro Paulo Guedes pela não liberação dos recursos aprovados de ajuda aos estados e municípios, que nesse momento sofrem com queda de receita.

O Senador disse que vai procurar saber o que está acontecendo com o andamento das obras de duplicação na BR-104 que se encontram paralisadas. Informou que todos os recursos necessários já foram liberados. Declarou que a pedido do governador Paulo Câmara destinou 50 milhões de reais da emenda de bancada para conclusão da obra.

O petista afirmou que apoia a continuidade da Frente Popular no estado, e que considera importante a manutenção desta aliança. “Para que possamos manter no campo progressista a governança do nosso estado, e também muito especialmente a prefeitura do Recife”. Falou o Senador.

Contudo, esclareceu que essa decisão não depende dele. Revelou que após votação, o Diretório Municipal do Recife enviou um pedido de reconsideração ao Diretório Nacional do Partido. Ele aguarda a resposta e disse que vai acatar a decisão que for tomada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário