17 março, 2021

Taquaritinga do Norte ganhará Museu do Café

A cidade de Taquaritinga do Norte conhecida como a Terra do Café ganhará em breve seu primeiro museu voltado para a cultura cafeeira. O projeto arquitetônico foi apresentado pelos escritórios Larissa Barros Arquitetura e Maso Batista Arquitetura, tornando o primeiro museu de Taquaritinga do Norte. De acordo com o projeto, o local da edificação será ao lodo do Açude Santo Amaro, um dos cartões postais da cidade e irá contextualizar com a paisagem natural existente. “O museu exerce papel educativo de grande relevância para a sociedade, garantindo a propagação de sua história e, apresentando-a ao público, traz a tona o sentimento de memória afetiva com relação ao café, gerando a apropriação cultural deste bem imaterial da cidade, num ciclo benéfico de valorização da sua história.

O projeto busca dialogar com a arquitetura regional e usa técnicas construtivas de fácil execução, numa volumetria atemporal, imponente e convidativa para o visitante”, completou a arquiteta, Fernanda Batista,
A ideia do museu vem como incentivo ao produtor cafeeiro e mais um atrativo turístico para a cidade. “Vamos dar à cidade um equipamento de geração de renda e valorização de nossa cultura tão rica e pouco explorada. O museu contará com um acervo dos próprios cafeicultores, espaço para torrefação, onde o visitante poderá acompanhar toda processo do café, desde o grão até a xícara. Sem contar, na vista privilegiada para o Açude Santo Amaro, que também receberá requalificação”, destacou o secretário de turismo, Léo Lima. ,

“Vamos agora em busca de recursos para iniciarmos a edificação. O museu será um dos marcos de nossa administração e ficará eternizado na história de Taquaritinga do Norte, onde estaremos valorizando a cultura do nosso café, incentivando mais agricultores a cultiva-la e aquecendo nossa economia”, completou o prefeito, Ivanildo Mestre, Lero.

A apresentação do projeto aconteceu na sede da Prefeitura e contou coma participação do prefeito, Ivanildo Mestre (Lero), dos vereadores João Eugenio e Galego de Tonho, o secretário de Turismo, Léo Lima, o controlador interno, Eriberto Marcolino e o produtor de café, Ewerton França.

Nenhum comentário:

Postar um comentário